07 maio 2015

TOP 5: Meus filmes preferidos - ROMANCE! ❤

Oi amores! No último TOP 5 aqui do blog, contei pra vocês minhas músicas preferidas. E o feedback de vocês sobre o post foi tão legal, que hoje vim falar dos meus filmes favoritos, e como são vários de diferentes gêneros decidi separar cada gênero para ficar mais organizado e também porque seria impossível escolher cinco filmes preferidos em meio a tantos.E não teria como começar por outro gênero, né? Aos românticos de plantão, aqui estão os filmes que fizeram o meu coração bater mais forte. Quando faço esse tipo de post me sinto tão perto de vocês, me sinto escrevendo pra vários amigos e amigas de vários lugares. Então vem comigo descobrir quais filmes marcaram minha vida.  




Sinopse: A situação está tensa na casa dos Stratford. Bianca (Larisa Oleynik) não vê a hora de arranjar um namorado, mas seu pai (Larry Miller) não permite que ela saia com garotos. Após muita insistência, o pai toma uma resolução: Bianca pode namorar, desde que sua irmã, Katharina (Julia Stiles), namore também. Só que Katharina é uma verdadeira megera, que não tem amigos na escola nem em lugar algum. Para resolver a questão, Cameron (Joseph Gordon-Levitt), apaixonado por Bianca, resolve contratar o misterioso Patrick Verona (Heath Ledger) para seduzir a futura cunhada.

Esse filme remete minha adolescência. Sabe aquele filme que te lembra a sessão da tarde? Acho que a maioria de vocês deve conhecer, além de ter um dos atores que mais admiro (Heath Ledger), conta uma história muito linda, onde Kat se permite amar sem saber que tudo não passava de uma armação. Por fim, quem acaba se descobrindo é Patrick, percebendo que o dinheiro que ganhou para conquistar Kat não valia de nada perto do amor que tinha por ela. Tem como não se apaixonar? 



Sinopse: Holly Kennedy (Hilary Swank) é casada com Gerry (Gerard Butler), um engraçado irlandês por quem é completamente apaixonada. Quando Gerry morre, a vida de Holly também acaba. Em profunda depressão, ela descobre com surpresa que o marido deixou diversas cartas que buscam guiá-la no caminho da recuperação.

Esse é com certeza o filme que eu me emociono independente das vezes que já o assisti. Mostra verdadeiramente que não há barreiras quando se trata do amor, mesmo sabendo que iria morrer devido a doença que tinha, Gerry planejou toda vida de Holly durante sua recuperação, lhe enviando cartas. O filme gira em tornos das cartas, com lembranças da histórias do dois, e por fim com a recuperação de Holly. É a prova da força do amor, do quanto devemos valorizar e viver o hoje com quem amamos! 


Sinopse: Diagnosticada com câncer, a adolescente Hazel Grace Lancaster (Shailene Woodley) se mantém viva graças a uma droga experimental. Após passar anos lutando com a doença, ela é forçada pelos pais a participar de um grupo de apoio cristão. Lá, conhece Augustus Waters (Ansel Elgort), um rapaz que também sofre com câncer. Os dois possuem visões muito diferentes de suas doenças: Hazel preocupa-se apenas com a dor que poderá causar aos outros, já Augustus sonha em deixar a sua própria marca no mundo. Apesar das diferenças, eles se apaixonam. Juntos, atravessam os principais conflitos da adolescência e do primeiro amor, enquanto lutam para se manter otimistas e fortes um para o outro.

Acho que esse é o filme mais recente dessa minha lista. Me emocionei ao ler o livro, e com o filme não foi diferente. Inclusive recomendo o livro pra quem curte lê a história de forma mais detalhada. Oque mais me comoveu além do amor, é o otimismo presente no filme, a forma como Gus conseguia passar uma pulsão de vida mesmo mal. Vale muito a pena, e o filme vai muito além de "modinha" que falam.


Sinopse: Jack Dawson (Leonardo DiCaprio) é um jovem aventureiro que, na mesa de jogo, ganha uma passagem para a primeira viagem do transatlântico Titanic. Trata-se de um luxuoso e imponente navio, anunciado na época como inafundável, que parte para os Estados Unidos. Nele está também Rose DeWitt Bukater (Kate Winslet), a jovem noiva de Caledon Hockley (Billy Zane). Rose está descontente com sua vida, já que sente-se sufocada pelos costumes da elite e não ama Caledon. Entretanto, ela precisa se casar com ele para manter o bom nome da família, que está falida. Um dia, desesperada, Rose ameaça se atirar do Titanic, mas Jack consegue demovê-la da ideia. Pelo ato ele é convidado a jantar na primeira classe, onde começa a se tornar mais próximo de Rose. Logo eles se apaixonam, despertando a fúria de Caledon. A situação fica ainda mais complicada quando o Titanic se choca com um iceberg, provocando algo que ninguém imaginava ser possível: o naufrágio do navio.

Será que existe alguém no mundo que não seja completamente apaixonada por esse filme? Tem como não se apaixonar e viver a história de Jack e Rose? Não é a toa que foi um sucesso de bilheteria e é falado até hoje. Um clássico! Além de me emocionar ao ver, me emociono com o quão nobre o amor é relatado na história. 


Sinopse: Sophie (Amanda Seyfried), uma aspirante à escritora de revistas, e seu noivo Victor (Gael García Bernal), um aspirante a chef de cozinha em seu próprio restaurante, embarcam para uma lua-de-mel que não acontece. Ele, parece estar mais preocupado em fazer contato com fornecedores, enquanto ela deseja passear pelos muitos lugares românticos da cidade. 
Destino ou não, Sophie conhece um grupo de mulheres que responde às cartas deixadas na Casa de Giulliete (conselheira amorosa) e passa a acompanhá-las. Num certo dia, ela encontra uma carta de 1951 e a responde. Inspirada pela resposta, a dona da carta, Claire Smith (Vanessa Redgrave), aparece disposta a reencontrar seu amor perdido. 
Acompanhada pelo seu neto Charlie (Christopher Egan), a aventura acontece em belas paisagens cheias de momentos de muita alegria, grandes descobertas e tristes desencontros. Nessa busca, uma história de amor floresce entre Charlie e Sophie, que passa a questionar-se sobre o seu noivado e o significado do verdadeiro amor.

Esse filme não podia faltar na minha lista. Ele retrata o amor de várias formas, o amor de Claire que depois de tantos anos foi em busca de Lorenzo, o amor de Sophie em se doar em prol do amor de Claire, a mudança na perspectiva de Charlie ao ver que não existia idade para amar, e por fim o amor entre Charlie e Sophie. É lindo ver um filme que põe tanta fé no amor, estamos precisando bastante disso nos dias de hoje! Então se você não conhece, corre pra assistir, porque vale a pena cada minuto de filme. 

Bom, meus amores! Espero que tenham gostado! Um super beijo pra vocês e não deixem de curtir a página do blog no Facebook e seguir no Instagram, para que cada postagem cheguem até vocês. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário